Essa parte da viagem é a campeã de reclamações e aborrecimentos. Voos atrasados, acomodações nada confortáveis e preços estratosféricos para qualquer cafezinho podem fazer com que a sua viagem comece ou termine mal.

Mas, já que viajar deve ser algo prazeroso, a regra número um é não se estressar. Tudo – ou quase tudo – pode ser remediado ou resolvido com boa vontade de ambas as partes. Porém, caso as coisas passem longe do bom senso, mantenha a calma e acione, na Justiça, os seus direitos.

Conheça algumas dicas para fazer o seu tempo no aeroporto ser o mais agradável e o mais prático possível.

Check-in

Na chegada, você encontrará facilmente informações sobre o lugar para o check-in do seu voo. Mas, caso precise, solicite informações a algum dos funcionários.

Para voos domésticos – operados dentro do país – a regra geral é que o check-in se encerre uma hora antes do voo. Para voos internacionais, o limite é duas horas de antecedência.

Para fazer o check-in, você não precisa de nada mais do que um documento de identificação válido. Para voos internacionais – com exceção dos países que compõem o Mercosul – o passaporte é indispensável.

Para evitar filas, com o seu código localizador use os totens disponíveis na maioria dos aeroportos para garantir o seu lugar no avião. Entretanto, a forma mais cômoda de fazer o seu check-in é pela internet. As principais companhias aéreas já o disponibilizam com antecedência de até 48 horas.

Prioridades

A companhia aérea deve ser avisada sobre necessidades especiais com uma antecedência mínima de três dias  antes do embarque. São considerados passageiros com necessidade de atendimento especial, os seguintes casos:

  • Pessoas portadoras de deficiência;
  • Gestantes;
  • Lactantes;
  • Idosos a partir de 60 anos;
  • Crianças desacompanhadas;

Embarque

Após realizar o check-in você deve dirigir-se ao portão de embarque. Para chegar até lá, você deverá passar pelas seguintes etapas: procure a entrada de voos domésticos ou internacionais –  como for o seu caso –e passe pela área de Raio X, onde sua mala deverá ser colocada dentro do aparelho para ser verificada.

Depois dessa etapa, confirme o número do portão no seu bilhete e nas telas que são atualizadas periodicamente.  Preste atenção para eventuais mudanças que possam acontecer:

1. Do portão de embarque;

2. Do horário do voo;

3. Cancelamento ou atrasos do voo;

4. Antecipação da partida do voo.

No caso de cancelamento do voo, o passageiro passa a ser de responsabilidade da companhia aérea e ela deverá cuidará de todos os procedimentos e possíveis problemas, devendo dar todas as explicações e orientações pertinentes, além de providenciar hospedagem e alimentação em casos específicos de acordo com a legislação em vigor.

Embora não sejam tão frequentes, as companhias aéreas também podem antecipar os voos e, em muitos os casos, o cliente não é comunicado adequadamente. Há casos em que a companhia apenas envia e-mails ou mensagens SMS com a informação.

Durante o voo

Após entrar no avião, localize o número de seu assento e acomode a sua bagagem de mão no compartimento localizado acima dos assentos ou abaixo da poltrona à sua frente Então, sente em sua poltrona e afivele o cinto.

Depois que a porta da aeronave estiver fechada, você deverá desligar o celular e aguardar as instruções do comandante e dos comissários de bordo.

Durante todo o voo, permaneça com o cinto afivelado. É proibido fumar em qualquer lugar do avião, inclusive banheiros;

Aliás, você pode usar o banheiro do avião sempre que necessário. Só não será permitido o uso do mesmo durante o procedimento de decolagem e pouso, por motivos de segurança. Mas fique tranquilo, os comissários de bordo sempre lhe orientarão sobre todos os procedimentos a serem seguidos;

O avião é um equipamento extremamente seguro, mas durante o voo podem acontecer turbulências, ou seja, o avião pode movimentar-se um pouco além do comum – isto é normal e não representa nenhum perigo. Só será solicitado que você afivele os cintos e permaneça em sua poltrona até que a turbulência passe.

Algumas pessoas sentem enjoo e, eventualmente, vomitam. Mas, fique tranquilo, isto é absolutamente natural. Por esse motivo, você notará que na bolsa localizada na poltrona à sua frente existem saquinhos para as pessoas que não se sentirem muito bem.

As refeições serão servidas pelos comissários de bordo e você deverá abrir sua mesa que está localizada na frente de todas as poltronas. Assim que terminar sua refeição, esta mesa deverá ser fechada. Algumas companhias aéreas cobram por essas refeições.

Depois de pousar, o avião irá para o estacionamento para que você possa desembarcar e isto levará alguns poucos minutos. Uma vez estacionado, os procedimentos que você deve realizar são soltar o cinto, pegar a bagagem de mão e sair do avião. Os comissários de bordo e outros funcionários indicarão o caminho.

Bagagem de mão

Objetos como dinheiro, joias, papéis negociáveis, objetos frágeis e artigos eletrônicos de uso pessoal só podem ser transportados como bagagem de mão;

Antes de transportar animais vivos, consulte com sua companhia aérea os procedimentos necessários para embarcar;

Conforme regulamentação da International Air Transport Association, os itens a seguir relacionados não podem ser transportados como bagagem de mão:  fósforos e isqueiros (estes itens deverão ser carregados junto ao passageiro); materiais magnéticos, oxidantes, radioativos, polimerizáveis; qualquer tipo de líquido (garrafas, latas, tubos e frascos). Nem mesmo água pode ser transportada; gases comprimidos, lâmpadas de Flash, explosivos, munições e fogos de artifício; líquidos e sólidos inflamáveis; qualquer arma de fogo; arma de caça; réplica ou imitação de arma, incluindo isqueiro com formato de arma de fogo; arma tipo “paintball” ou similar; arma de mergulho; peça de armas (excluindo lunetas); pistola ou espingarda de ar comprimido; pistola esportiva de partida; pistola de sinalização;  dispositivo capaz de gerar corrente elétrica (dispositivo de choque); pistola industrial; bestas; e soqueira  de metal. Estes equipamentos somente podem ser transportados como bagagem despachada. Antes de transportar tais equipamentos, entre em contato com sua companhia; tesouras, facas, alicates, canivetes, garfos, estiletes, navalhas ou quaisquer outros objetos perfuro-cortantes não podem ser transportados como bagagem de mão, apenas como bagagem despachada.

Restituição de bagagem

Os funcionários da companhia aérea irão indicar o caminho para chegar à esteira onde estão as bagagens. Posicione-se na frente da esteira e aguarde sua mala chegar. Caso sua mala não chegue, procure algum funcionário da companhia aérea e relate o ocorrido para que os trâmites de bagagem extraviada possam ser providenciados. Para facilitar o processo no caso de extravio de bagagem, forneça o maior número de informações possível, tais como tamanho, cor, detalhes como fitas amarradas, etiqueta de identificação, entre outros.

Fonte: http://www.penaestrada.blog.br

  • SHARE

Comments are off this post